Fecomércio-MA debate oportunidades de negócios com a Argentina

AddToAny buttons

Compartilhe
03 A 04 dez 19
Ex: 8h00 às 18h00
Botão - Tenho Interesse
Esse preenchimento não garante sua
inscrição. É apenas para fins de comunicação,
envio de novidades e informações sobre o
evento.
José Arteiro: facilitar transações comerciais
José Arteiro: facilitar transações comerciais

03/12/2019

Com o objetivo de discutir oportunidades de negócio entre o Maranhão e a Argentina, a Federação do Comércio do Estado do Maranhão (Fecomércio-MA) recebeu, em 27 de novembro, a visita do cônsul-geral da República da Argentina, Alejandro Funes Lastra.

A reunião, que contou com a presença do presidente da entidade, José Arteiro da Silva, além de empresários e representantes comerciais, debateu uma missão comercial argentina de alimentos e bebidas a São Luís; o fomento à criação de um HUB Logístico entre a Argentina e o Porto do Itaqui; o incremento ao comércio bilateral; e, principalmente, a implantação da Câmara de Comércio, Indústria e Turismo Maranhão–Argentina.

“Essa é a segunda visita do cônsul e a continuação desse trabalho no sentido de apresentar aos empresários as oportunidades de negócio, assim como proporcionar um espaço de discussão quanto à implantação de uma câmara que será fundamental para ampliação dessas futuras negociações entre o Maranhão e a Argentina, facilitando as transações comerciais”, explicou José Arteiro.

Durante a reunião, Alejandro Lastra destacou as potencialidades argentinas e os interesses no Estado do Maranhão, respondendo às principais dúvidas dos empresários presentes que têm interesse na ampliação dos negócios com outros países.

“O nosso objetivo é saber se o Maranhão tem interesse de ampliar negócios com a Argentina, facilitando a vinda e ida de produtos dos mais diversos setores, avançando em negócios como alimentos, bebidas e agroindustrial. É possível ampliar e equilibrar ainda mais essa relação entre a Argentina e o Maranhão”, destacou o cônsul.

Ao fim da reunião, os empresários, sob a coordenação da Federação do Comércio do Maranhão, comprometeram-se a desenvolver o planejamento de implantação e formalização da Câmara de Comércio, Indústria e Turismo entre o Maranhão e a Argentina no início de 2020.

Visita ao Porto

Após reunião com empresários, o superintendente da Fecomércio-MA, Max de Medeiros, acompanhou o cônsul argentino Alejandro Lastra em uma vista ao Porto do Itaqui. Na ocasião, foram apresentadas a infraestrutura e a logística do Porto, como a linha de berços, movimentação de cargas, produtividade, transporte de grão, minério, granéis líquidos, carga em contêiner, além dos investimentos público e privado previstos.

O Porto do Itaqui está localizado no município de São Luís, capital do Maranhão, dentro da Baía de São Marcos, na região Nordeste do Brasil. Sua área, segundo informações da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), abrange cais, docas, pontes, píeres de atracação e de acostagem, armazéns, silos, rampas, pátios, edificações em geral, vias internas de circulação rodoviária e ferroviária.

De acordo com dados da Emap, a atividade portuária a partir do Itaqui gera aproximadamente 14 mil empregos diretos e indiretos e alimenta diversas cadeias produtivas no Estado e ao longo de sua área de influência. Além disso, os negócios movimentados pelo Porto do Itaqui são responsáveis por cerca de 35% do ICMS arrecadado no Maranhão.